• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Imprimir Contéudo

Pele e sol



Micose

       Com a chegada do verão, os dias mais ensolarados e quentes convidam as pessoas a saírem mais, passearem, praticarem esportes ao ar livre, freqüentarem clubes, piscinas, praia e mar. Em função do clima, naturalmente, usam-se roupas mais leves que tornam nosso corpo mais exposto à radiação solar. Tudo isso é muito bom e saudável, desde que sejam tomadas algumas precauões e cuidados preventivos em relação à pele.

       Todos já sabemos que com a diminuição da camada de ozônio, os raios solares estão penetrando de forma mais intensa na superfície terrestre, causando maiores danos celulares. Isto explica o desconforto que sentimos ao ficarmos muito tempo exposto ao calor do sol e o aumento da incidência das alergias solares que provocam "coceiras", "vermelhidão", e "bolinhas" localizadas ou disseminadas na superfície corporal.

       A radiação solar que recebemos é totlamente absorvida e não mais eliminada do nosso organismo, provaocamdno efeitos imediatos (queimaduras solares e alergias) e tardios (agressão ao colágeno com envelhecimento precoce e tumores). Todos estes efeitos vão sendo acumulados no organismo.

       Atualmente os estudos comprovam um aumento assustador dos tumores malígnos de pele, sendo o mais importante o Melanoma, que, inclusive, vem atingindo com maior freqüência adolescente e adultos jovens.

       De posse destas informações devemos nos conscientizar da importância do uso correto dos fotoprotetores ou filtros solares nas áreas expostas, principalmente no verão, mas não esquecendo, também, do inverno.

       Estes produtos, que podem ser industrializados ou manipulados, nos dão uma maior proteção em relação ao sol, agindo tanto sobre os efeitos imediatos como sobre os tardios.
Os filtros solares devem proteger dos raios ultravioletas A e B (UVA e UVB). Eles podem estar contidos em loções, cremes ou géis hidratantes, junto a outras substâncias nutritivas e de tratamento, ou isoladamente agindo somente como fotoprotetores. Devem ser aplicados meia hora antes da exposição solar e com a pele seca. Devem ser reaplicados de 2 em 2 horas e sempre após o banho de mar ou piscina.

       Dependendo do veículo usado, a durabilidade em contato com a pele pode ser maior (cremes e loções) ou menor (géis e sprays) sugerindo aplicações mais freqüentes.

       O melhor horário para exposição solar é no período anterior ás 11 horas da manhã e após as 17 horas - horário de verão - quando podemos usar fator de proteção 15 de maneira geral. No horário intermediário, sugere-se fator de proteção 30 para qualquer tipo de pele. Não podemos esquecer que esta é uma conduta mais agrangente e que existem casos que devem ser tratados de maneira mais especial.

       Independente do uso adequado dos filtros solares e da observação do melhor horário para exposição solar, não devemos dispensar a proteção dos guarda-sóis, preferencialmente em tecido de algodão, das camisetas, bonés e óculos escuros.

       Após a exposição ao sol, mar e piscina, é importante um bom banho com sabonetes hidratantes e aplicação posterior de loções hidratantes em todo o corpo.

       Com estes cuidados básicos e simples estaremos cuidando e protegendo a nossa pele para que permaneça por mais tempo jovem e saudável.


 

Dra. Maria Fernanda B. F. Dable
Médica credenciada da Cabergs
Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Erechim e Região ::

©2012 Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Erechim e Região

Todos os direitos reservados

Avenida Maurício Cardoso, 335, Sala 202
CEP 99700-426 - Erechim - RS
Fonex/Fax: (54) 3321 2788
seeb@bancarioserechim.org.br

Municípios da Base: Erechim, Aratiba, Áurea, Barão do Cotegipe, Barra do Rio Azul, Barracão, Benjamim Constant do Sul, Cacique Doble, Campinas do Sul, Carlos Gomes, Centenário, Cruzaltense, Entre Rios do Sul, Erebango, Erval Grande, Estação, Floriano Peixoto, Gaurama, Getúlio Vargas, Ipiranga do Sul, Itatiba do Sul, Jacutinga, Machadinho, Maximiliano de Almeida, Marcelino Ramos, Mariano Moro, Paim Filho, Paulo Bento, Ponte Preta, Quatro Irmãos, São José do Ouro, São João da Urtiga, São Valentim, Severiano de Almeida, Três Arroios, Viadutos, todos no Estado do Rio Grande do Sul.

 Superativa | Orby